5.7.12

Walcyr Carrasco deve escrever novela das nove. OMG!

Parem as máquinas de linguiça! Já é praticamente certo que uma novela de Walcyr Carrasco irá substituir "Salve Jorge", de Glória Perez, na faixa das nove da Globo, em 2013. De acordo com a jornalista Patrícia Kogut, d'O Globo, Carrasco, que atualmente assina "Gabriela", apresentou uma sinopse que agradou a direção da emissora. A trama, uma história contemporânea, é ambientada em um hospital.

Assim, sempre disponível, Walcyr Carrasco se consagra de vez como o autor que mais gasta teclado, papel e tinta no Plim Plim. Essa novela que está por vir será sua nona na emissora, em treze anos. Isso sem contar as supervisões de texto e a batata quente "Esperança" (2002), abandonada por Benedito Ruy Barbosa e que lhe coube desenvolver do 150º capítulo em diante. Onipresença que cansa, ainda mais quando lembramos que vira e mexe algum título de seu currículo entra em cartaz no "Vale a Pena Ver de Novo". "Chocolate com Pimenta" (2003) está aí, em re-reprise, e não deve demorar muito para "Caras & Bocas" (2009) também ganhar um revival.

Sinceramente, não sei se é um bom negócio essa tal promoção de ouro. Aliás, deve ser o que você também está se perguntando agora, não é verdade? Afinal, Walcyr se mostra mais à vontade em folhetins de época, geralmente refertos de humor burlesco e romance água-com-açúcar. Suas histórias contemporâneas sempre deixam a desejar, convenhamos. Para quem já está acostumado ao know-how de João Emanuel Carneiro, bate um medo danado só de imaginar o ad nauseam do Carrasco entrando após o “Jornal Nacional”.

E antes que digam, sei que Walcyr, um profissional com tantos anos de experiência no ramo, não é louco – e nem a Globo permitiria – de escrever uma novela das nove ao estilo de seus folhetins das seis e sete. Contudo, a dúvida é: o dramaturgo, cujo último trabalho autoral foi a bobagenta "Morde & Assopra" (2011), consegue surpreender e agradar o exigente público da faixa mais nobre da TV brasileira? Hein? Hein?


Seja o primeiro a comentar!

Postar um comentário