15.7.12

#coliriodejulho: Lua Blanco

No fim de noite da última quarta-feira (11), um assunto dominava as redes sociais: a lista de personalidades anunciadas no programa do SBT "O Maior Brasileiro de Todos os Tempos", espécie de concurso que, como o próprio nome já diz, tem o objetivo de eleger o maior entre os maiores brasileiros da história, por voto popular. As críticas negativas, principalmente no microblog Twitter, não foram poucas. Afinal, o cantor sertanejo Luan Santana, que apareceu na 42ª colocação, é mais notável para este país do que Carlos Drummond de Andrade (52ª), Carlos Chagas (66ª) e Monteiro Lobato (57ª)? O legado de Michel Teló (72ª), que até ontem só era famoso para suas negas, na música nacional é maior do que o deixado por monstros sagrados como Cazuza (88ª) e Chico Buarque (84ª)? Essas aparentes injustiças provam algumas teses, principalmente a de que o povo brasileiro vota muito mal e se deixa levar pelo calor da emoção, do aqui e agora. Se o concurso fosse feito há dez anos, alguém duvida que Kelly Key estaria muito bem posicionada no ranking? Hoje, longe dos holofotes, a cantora nem é lembrada.

Os fan-clubes e torcidas organizadas são as grandes responsáveis por gerar toda essa polêmica em volta do “Maior Brasileiro”. A legião de fãs de Lua Blanco conseguiu emplacá-la na 71ª colocação da listagem, à frente de nomes como Luís Carlos Prestes (76ª), Chacrinha (85ª) e Jorge Amado (93ª). Choveram críticas e mais críticas! A atriz, que vive uma das protagonistas da novela “Rebelde”, da Record, por sua vez, prefere apenas agradecer o mimo. “Fiquei bastante surpresa por estar nessa lista e só tenho a agradecer aos fãs por votarem e demonstrarem esse carinho de sempre. Obrigada”, disse ao site RD1. Lua, assim como Luan Santana e Michel Teló, não tem culpa da falta de senso de realidadede de seus seguidores.

Caramba! Falar do concurso do SBT nem era a principal intenção desse post, mas acabou rendendo dois parágrafos... Vamos, então, ao que interessa aqui: Lua Maria Blanco.

Nascida em São Paulo, no dia 5 de março de 1987, a atriz estreou na telinha na novela global "Três Irmãs", em 2008, participou de "Malhação", no ano seguinte, e viveu uma expência como apresentadora no infantil "TV Globinho", em 2010. No teatro, subiu aos palcos com o musical "O Despertar da Primavera".

Lua cresceu numa família de músicos, ouvindo Beatles, The Carpenters e Elton John. "Meu pai e minha mãe cantavam juntos, então a gente ia ouvindo e cantando junto. Era muita Bossa Nova por causa do meu avô [Billy Blanco]. Era muito João Gilberto e Tom Jobim", contou à revista teen DM. Tamanha influência levou a loira a integrar uma banda de rock, a Lágrima Flor, assumindo o vocal em 2006, aos 19 anos. Hoje, aos 25, é conhecido em todo o Brasil por fazer parte da banda Rebeldes, cujo DVD já vendeu mais de 50 mil cópias, formada ainda por Micael Borges, Melanie Fronckowiak, Chay Suede, Sophia Abrahão e Arthur Aguiar. O grupo é sucesso entre o público adolescente que a acompanha (ou não) a novela "Rebelde", onde o cotidiano fictício dos "Rebeldes", com outros nomes, é narrado. Na trama, Lua vive a autêntica roqueirinha Roberta e é apaixonada pelo personagem de Arthur Aguiar, o Diego. Os dois chegaram, inclusive, a namorar por seis meses, mas terminaram em março deste ano. Recentemente, surgiram boatos de que ela estaria namorando o ator Diego Montez, seu colega de elenco, mas ambos trataram de desmenti-los.

Vascaína, psiciana, fã de John Mayer e cheia de atitude, Lua Blanco é o #coliriodejulho do blog. Ela pode não ser a maior brasileira de todos os tempos, mas é digna como ninguém de estampar a nossa galeria de beldades este mês.


Seja o primeiro a comentar!

Postar um comentário