26.11.11

Adriana Esteves deve ser a grande vilã de "Avenida Brasil"

O blog repercutiu em meados de outubro que João Emanuel Carneiro estava a procura de uma atriz para viver a vilã de sua próxima novela, "Avenida Brasil". Os leitores, incentivados pelo blogueiro, trataram então de sugerir possíveis intérpretes. Cláudia Abreu, Malu Mader, Alinne Moraes, Leandra Leal, Flávia Alessandra e Cláudia Raia, só para citar alguns exemplos, foram citadas. Afinal, o papel de vilã do horário nobre global é o desejo de dez entre dez atrizes.

Pois bem, a procura acabou. Pelo menos é o que garante a coluna Zapping, do jornal Agora São Paulo. Segundo a publicação, Adriana Esteves, de férias da telinha desde o fim de "Morde & Assopra" (2011), está efetivada como a supervilã de "Avenida Brasil". Fala aí, excelente escolha, não é? O jornal Extra conta mais: a atriz fará megahair para encarnar a diaba.

O curioso é que a última personagem de Adriana na faixa das oito/nove da Globo foi também uma vilã. Não foi a antagonista número um da história, mas ainda assim uma inesquecível vilã. Falo da Sandrinha de "Torre de Babel" (1998), aquela que explodiu o Tropical Tower Shopping, lembra? Claro que sim.

Fica a torcida para que as coisas não sejam alteradas. Digo isso porque as notícias dos bastidores de "Avenida Brasil" mudam de acordo com o vento. O colunista Flávio Ricco, do UOL, informou esses dias que Patrícia Pillar, propagandeada como a mocinha da história, está fora da produção. Logo ela, que sempre foi dada como certa... Que chato!

De acordo com Ricco, Vera Holtz, Marcos Caruso, Cauã Reymond, Murilo Benício, Débora Bloch, Nathalia Dill e Débora Falabella são os únicos confirmados no elenco. Adriana Esteves não é citada. O jeito é aguardar a divulgação oficial da Globo.


Seja o primeiro a comentar!

Postar um comentário